2007-12-29

É só para dizer...

É só para dizer que este amiguinho que já vos apresentei há dias e que afinal não chegou a hibernar mais parecendo um animalzinho de estimação por gostar de andar sobre nós apreciando o calor dos nossos corpos, metendo o focinhito dentro das nossas mangas ou na gola quente das camisolas…
 
Posted by Picasa

… estando cada vez mais confiante nas nossas mãos…
 
Posted by Picasa

… e adormecendo facilmente em qualquer posição...
Posted by Picasa

... apareceu morto na noite de Natal dentro da caixinha onde dormia.

28 comentários:

fernanda s.m. disse...

Oh, não... É uma pena que os animais que são tão amigos do Homem passem tão breve na nossa vida ! Lamento a vossa perda, Ana, pois sei bem que dói perder um animal que se afeiçoa a nós e nós a ele. E depois, acontece em datas especiais como se nos quisessem dizer algo...
Um abraço,
fsm.

Jardineira aprendiz disse...

Oh...

Talvez já estivesse doente, normalmente os ouriços não são tão confiantes.

Se nós colocarmos veneno para matar caracóis ou ratos eles podem ficar doentes e morrer, porque se alimentam deles. Muitas vezes noto que aparecem mais ouriços doentes (que depois acabam por morrer) na altura em que as pessoas sentem as suas hortícolas mais ameaçadas pelos caracós e lesmas, é nessa altura que colocam aquelas pastilhinhas de veneno que são extremamente tóxicas. É verdade que às vezes não é fácil livrar a horta de caracóis e lesmas, mas as pessoas não têm consciência que também podem estar indirectamente a matar ouriços, pássaros e outros organismos auxiliares. E os ouriços caminham bastante, mesmo que nós não coloquemos veneno não podemos evitar que os vizinhos o façam.

E depois o inverno é uma época crítica, os animais mais frágeis sucumbem, mas é a lei da natureza, por muita pena que tenhamos.

E o mano, ainda anda por aí?

Beijos

O Profeta disse...

Olhos abertos de espanto
A esperança renovada
Há um novo ano que anuncia
Os passos da felicidade na sua chegada

E porque gosto de ti
Companheira de viagem
Que a minha companhia
Não seja uma miragem

E porque tocaste o profeta
Com a delicadeza da tua terna mão
No abrir das minhas portas
Ilumino teu coração


Um mágico 2008


Um beijo de luz

ez disse...

Também me aconteceu o mesmo e... no Verão!
Era demasiado novo para sobreviver sozinho! :(

Tongzhi disse...

Estas coisas acontecem e deixam-nos abalados. É engraçado como os animais entram na vida das pessoas!
Beijo

pinguim disse...

É uma pena e foi uma "prenda" negativa no teu sapatinho; mas a natureza é assim, e tu sabes disso.
O teu amor e dedicação pelos animais vai concerteza encontrar outros felizes seres para minorar essa pequena perda.
Bom Ano Novo, Ana.
Beijinhos.

Sei que existes disse...

Fiquei com pena... Mas a vida tem destas coisas assim que nos fazem pensar... Pensa em como foi bom ele ter aparecido nas vossas vidas!
Que este novo ano de 2008 e toda a tua vida, venha a estar recheada de optimos momentos de crescimento e felicidade interior,harmonia, amor,sabedoria e auto-conhecimento.
Beijo grande

rato do campo disse...

Oh... Coitadinho do bichinho... Olha, deixo-te um beijo e votos de um feliz 2008 para ti e todos os teus!

pin gente disse...

oh, ana! eu estava a gostar tanto de ler e...
um abraço

vinha desejar (e não deixo de o fazer) um feliz 2008
abraço
luísa

Oris disse...

Já por duas vezes tentei deixar comentário, mas acabava por dar erro. Espero que consiga desta vez.

Que pena....mas a vida é mesmo assim...

Espero que em 2008 nos continues a deliciar com os teus textos e que consigas a concretização dos teus desejos.

Feliz 2008!!!

Beijitos, Ana.

poetaeusou . . . disse...

*
um vendaval de saúde,
em tempestade
de amizade e carinho,
num mar sereno,
de vagas de benquerenças,
transportadas
no bico de uma gaivota,
<<<<>>>>
aloés de beijos,
desta nazaré, hoje,
linda !!! linda !!! linda !!!
,,,
poetaeusou . . .
*

Lu disse...

Lamento muito Ana.

Feliz 2008.

Anónimo disse...

Lamento que o ouriço tenha "deixado" a quinta da Anabela, pelo que leio, um lar acolhedor para muitos animais. Embora tivesse tido conhecimento da morte do pequeno ouriço por telefoma, acrescento aqui o meu lamento pelo facto da Quinta ficar mais pobre.
Um abraço do
Osvaldo Simões

Anónimo disse...

Corrigindo a minha mensagem anterior: onde se lê "telefona" deve ler-se como é óbio "TELEFONEMA"
Bye,
Osvaldo Simões

Anónimo disse...

Outra vez !!!!!! Onde se lê "óbio" é

óbvio que é "óbvio".

Prometo reler as minhas mensagens antes de as enviar.
Bye, bye
Osvaldo Simões

maria disse...

É só para desejar Bom Ano sem surpresas desagradáveis, ou seja, que o que for surpresa seja bom e o que for desagradável não seja uma surpresa.

Paulo disse...

Oh Ana. Que pena.
Não sei o que te diga.

Também estava a gostar tanto de ler e ver as fotos e, de repente...

Como diz a Jardineira, é a lei da natureza.

Um beijinho.

as-nunes disse...

A ver se ai menos neste 2º dia de 2008, venho aqui dizer olá - vinha com essas intenções. Mas a notícia com que sou recebido não é nada lá nada animadora para quem gosta de animais, de qualquer animal.
É uma pena, quando nos dedicamos dessa maneira e, de repente, tudo acaba. A vida é feita de momentos, é bem verdade.
Beijinho Ana, que 2008 seja Muito Bom, melhor do que eu antevejo...
António Nunes

Pandora disse...

vinha tão contente desejar um Feliz Ano Novo e encontro tão triste noticia.
Certamente foi um Natal menos feliz.
Beijos.

Pandora disse...

Cá estou eu de novo, e desta vez para dizer que provavelmente haveria um problema com a net, porque só um dos blogs é que não está aberto a todos, pelo simples facto de ainda estar a ser feito.
De qualquer das formas aqui fica o link de "O Canto de Pandora":
http://bonecosdepano.blogspot.com/

E fico á tua espera.
Beijos.

Ana Ramon disse...

Agradecemos a todos, as palavras tão simpáticas que nos têm feito chegar. A maioria dos amigos nem sequer os conhecemos pessoalmente e isso faz-nos ficar a pensar na força que a blogosfera arrasta consigo.
Vimos retribuir todos os amáveis votos de Bom Ano, recebidos nestes comentários ou nos mails na nossa caixa do correio.
Para todos um grande abraço com muito carinho

Bichodeconta disse...

Era lindo oteu amigo de picos.. Já aqui disse, gosto muito de ouriços e tenho pena que ele não tenha resistido..QUEM PENSE QUE SÓ O CÃO OU GATO PODEM PREENCHER O NOSSO ESPAÇO AFECTIVOS, ENGANA-SE.. UM BOM ANO COM PAZ E AMOR...

JRL disse...

oh, ana :(, era tão lindo e parecia tão meigo. deixo-te só um beijinho. com tristeza.

kuka disse...

Tenho um pequeno lago com uma ilha no centro. Só descobri que um ouriço ali habitava, quando morreu. Penso que caminhava sobre as plantas e aninhava-se sob uma rocha que lá pus aquando da construção do lago. Fiz uma limpeza com o corte da maioria das plantas e o bicharoco não conseguiu sair da ilha. Morreu, talvez de fome.

poetaeusou . . . disse...

*
passei aqui,
carente de um post ... teu,
,
xi
*

Tozé Franco disse...

Pena que nem todas as histórias tenham um final feliz.
Que o bicho tinha um aspecto simpático e feliz é inquestionável.
Um abraço.

despertando disse...

Fico triste, mas temos de pensar que foi muito feliz e teve o conforto que os da sua espécie não teem.
Um abraço

Espaço do João disse...

Pois o que eu tive em casa desapareceu pura e simplesmente depois de hibernar. Como por estas paragens há muita temperatura negativa quando dei por mim ele tinha escavado um buraco que dá para o quintal do vizinho. Pisgou-se.